Kléber está pronto para a reestreia no Palmeiras

Fonte: Portal Terra

Pouco antes de ter a transferência para o Palmeiras oficializada, o atacante Kléber sofreu um estiramento muscular na coxa esquerda, em treino do Cruzeiro. Motivo de preocupação para o clube alviverde? Longe disso. O atacante está pronto para fazer sua reestreia pelo time.

O camisa 30 iniciará os treinos na próxima quinta-feira, sem restrições. Em rápida avaliação feita pelo departamento médico do clube, Kléber não reclamou de dores.

“Não posso dizer com precisão como está a condição física dele, pois o grupo não tem treinado. Mas ele não pediu nenhum tipo de tratamento, e não foi feita qualquer recomendação pelo Cruzeiro”, afirmou o médico Otávio Vilhena.

A contusão do jogador ocorreu no último dia 1 de junho. Em função do problema, o atleta ficou fora dos últimos dois jogos do Cruzeiro, antes da parada para a Copa do Mundo. O departamento médico do clube mineiro havia dado uma previsão de dez dias para a recuperação.

“Kléber teve uma lesão muito comum no futebol, não traz preocupação alguma. No dia 17, ele já vai poder treinar com o Palmeiras, sem qualquer tipo de restrição”, disse Octacílio Damata, médico do Cruzeiro.

“Ele é um atleta que se recupera com muita rapidez. Tem poder de cicatrização muito bom”, completou.

A diretoria do Palmeiras estuda um amistoso durante a Copa, para despedida do Palestra Itália. Pode ser a reestreia de Kléber. O clássico diante do Santos, dia 15 de julho, no Pacaembu, é outra possibilidade.

Clube festeja ausência de lesionados

Com exceção do atacante Lenny, que se recupera de uma lesão no ligamento cruzado do joelho direito, o Palmeiras não possui jogador lesionado no elenco.

Em nota divulgada no site oficial do Palmeiras, o fato é destacado: “Todos os jogadores vão retornar no dia 17 em plenas condições de treino e jogo, inclusive o goleiro Marcos, que não atuou na última rodada do Brasileiro, em razão de desconforto na coxa direita”.

“Temos feito um trabalho de prevenção e dosado a parte física com treinos mais intensos, técnicos e com bola. Além disso, unimos os recursos que a fisiologia realiza e individualizamos o trabalho com cada um dos atletas”, afirmou o preparador físico Anselmo Sbragia.

“Tivemos algumas lesões, pois vários atletas vieram de fora do país e o estilo de treino aqui é muito diferente. Mas nada fora do comum”, completou.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: